Quais as Vantagens e Desvantagens do Diu de Cobre? Descubra Agora!

Atualmente há uma grande variedade de métodos contraceptivos para as mulheres que desejam prevenir a gravidez. Um desses métodos, bastante eficiente, é o Diu de cobre.

O Diu de cobre é um método antigo de contracepção, mas que continua sendo muito eficaz. Trata-se de um dispositivo que é colocado dentro do útero da mulher.

O que é o Diu de cobre?

Diu é a siga de Dispositivo Intra-Uterino. O Diu de cobre, como já mencionado, é um método para a mulher evitar a gravidez. Como o nome já diz, o dispositivo é produzido em cobre. Trata-se de uma pequenina vareta com formato de Y, que é alocada dentro do útero por um médico ginecologista.

O Diu de cobre pode ficar dentro do útero por 5 a 10 anos – o que vai depender do tipo do dispositivo. O Diu libera lenta e constantemente cobre, que modifica as condições do útero, criando, assim, um ambiente inadequado para a fecundação do óvulo pelo espermatozoide.


Como funciona o Diu de cobre?

O DIU de cobre trata-se de uma estrutura bem pequena revestida pelo metal. Inserido adequadamente no útero da mulher, o dispositivo vai liberar constantemente pequenas quantidades de cobre no útero da mulher. Isso causa alterações no tecido do endométrio, das trompas e do muco cervical.

O Diu ainda provoca um processo inflamatório, inofensivo ao organismo da paciente. Essa inflamação torna a região ainda menos provável para acontecer uma gestação.

O Diu de cobre é um método bastante eficaz para a prevenção da gravidez. Sua taxa de falha é de apenas 0.75%.

um diu de cobre

Vantagens e desvantagens do seu uso

O Diu de cobre oferece vantagens e desvantagem em sua utilização – como acontece com todos os métodos contraceptivos. Abaixo, você confere as vantagens e desvantagens do seu uso:

Vantagens do uso do Diu:

  • Pode ficar no útero da mulher por até 10 anos seguidos
  • Possui baixo custo
  • Não interage com medicações
  • Taxa maior que 99% de sucesso contra a gestação
  • Método adequado para mulheres que não gostam de ingerir pílulas
  • Não necessita da interrupções de relações sexuais
  • Opção para mulheres que não pode fazer uso do hormônio estrógeno
  • Tem seu uso liberado na fase de amamentação
  • Não interfere na fertilidade da mulher, quando retirado do útero

Desvantagens do uso do Diu:

  • Aumento do fluxo menstrual
  • Possibilidade de acontecer ciclo menstrual irregular
  • Presença de cólicas
  • Necessita-se da presença de um profissional qualificado para a inserção e a retirada
  • Pode causar dores de cabeça em alguns dias após da sua colocação no útero
  • Aumenta o risco de infecção, principalmente durante a colocada e remoção
  • Não protege contra DST”s (doenças sexualmente transmissíveis)

Tem efeitos colaterais?

Sim, como outros métodos contraceptivos, o Diu de cobre pode oferecer alguns efeitos colaterais. Um deles, de maneira geral, é o aumento do risco de se contrair infecções vaginais e dores na região da pélvis.

Além disso, o Diu de cobre pode ocasionar o aumento das cólicas menstruais. Ainda pode causar menstruações com maior intensidade do fluxo de sangue. O dispositivo também pode ocasionar ciclos menstruais irregulares.

O Diu de cobre engorda?

Não. O Diu de cobre não tem nenhuma relação com o peso da mulher, como acontece, por exemplo, com contraceptivos orais. Portanto, o ganho de peso não deve ser uma preocupação para a mulher que opta pelo Diu de cobre como método de evitar a gravidez.

Cuidados a se tomar

Ao escolher o Diu de cobre como método anticoncepcional, vale tomar alguns cuidados, como:

  • A mulher pode sentir leves cólicas nos dois primeiros dias após a inserção do dispositivo; Recomenda-se pedir indicação para o médico de medicamentos para aliviar as dores. Também podem ser feitas compressas quentes na região do útero, para a redução da cólica.
  • Você mesma pode verificar se o fio do Diu está no local correto. Para fazer isso, insira profundamente um dedo (higienizado), sinta o colo do útero e averigue se consegue sentir um fio fino na abertura do colo do útero. Se você não conseguir sentir esse fio, procure o seu médico.
  • Caso você sinta que o Diu saiu ou se posicionou em um local incorreto, vá o quanto antes no seu médico ginecologista.
  • Como já mencionado, o Diu não previne DST’s, portanto, não deixe de usar o preservativo nas relações sexuais.
  • Quem utiliza o Diu de cobre deve fazer um acompanhamento médico constante.

Qual o preço do Diu de cobre?

um diu de cobre na mão de uma pessoa

O Diu de cobre pode ser adquirido no mercado por valores que vão de R$ 120 até, aproximadamente, R$ 250. Vale ressaltar que esses preços são aproximados e dependem do estabelecimento que comercializa o produto.

Para usar o Diu de cobre ainda pode ser cobrada a consulta médica ou o processo de colocação do acessório.

Pergunta dos leitores

Diu de cobre tem hormônios?

Não. O Diu de cobre libera no organismo da mulher pequenas quantidades desse metal. isso faz com que ocorram modificações no endométrio, no muco cervical e nas trompas. Com isso, o espermatozoide não encontra condições favoráveis para fecundar o óvulo.

Diu de cobre ou Mirena, qual o melhor?

Não há um método contraceptivo melhor do que o outro. A mulher pode se adaptar a um método e a outro não. Portanto, o melhor contraceptivo é aquele que a mulher se sente melhor e mais confortável em usá-lo.

Consigo o Diu de cobre pelo SUS?

Sim. O SUS (Sistema Único de Saúde) oferece para as mulheres a colocação do DIU TCu 380 de Cobre. Para conseguir colocar o dispositivo pelo SUS, primeiramente, a mulher deve marcar uma consulta com um médico ginecologista no posto de saúde mais próximo da sua residência.

Durante a consulta, explique ao médico que você gostaria de utilizar o Diu de cobre. O médico, provavelmente, pedirá para que você realize alguns exames. Isso para a averiguar se há infecções na região uterina ou algum motivo em que o dispositivo possa ser contraindicado. Também costuma ser realizado um papanicolau na mulher, para afastar eventuais doenças.

Estando com os exames normais, o SUS encaminhará você para uma palestra sobre planejamento reprodutivo. Isso tem o objetivo de educar e esclarecer as dúvidas das mulheres sobre contraceptivos em geral.

Depois disso, será marcada uma consulta com um médico ginecologista, onde você fará a inserção do Diu de cobre no útero.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *